:: 30/06/2014
:: VLI bate recorde operacional em Pirapora


VLI bate recorde operacional em Pirapora

A VLI, empresa especializada em operações logísticas que integram atividades de ferrovias, portos e terminais, alcançou, no último mês de maio, o recorde de carregamento no Terminal Integrador Pirapora (MG). Ao todo, foram movimentadas 120.682 toneladas de soja. O marco anterior aconteceu em agosto de 2011, quando o terminal foi responsável pelo carregamento de 120.100 t do grão.

Para que esse volume fosse transportado, foram necessários 2.045 vagões divididos em 49 trens com destino a exportação pela ferrovia até o Porto de Tubarão, em Vitória. Foi recebido um total de 3.538 carretas para realização do transbordo. Até o momento, o carregamento foi direcionado para a soja, mas a partir de agosto, com a safra do milho, o terminal também receberá esse produto.

O desempenho é resultado de uma série de investimentos que a VLI realizou no terminal. Primeiramente, em 2008, 150 km da Ferrovia Centro-Atlântica entre Corinto (MG) e Pirapora foram recuperados para inaugurar no ano seguinte o Terminal Integrador Pirapora. Em 2010, com o sistema logístico completo e já em operação, o programa de fomento Pró-Noroeste foi lançado em parceria com o governo de Minas Gerais com o objetivo de facilitar o escoamento da produção local com seu sistema integrado de logística.

Já em 2011, entrou em funcionamento no terminal o sistema reverse loop. Também conhecido como pera ferroviária, é um trecho de linha com formato semelhante ao da fruta, que praticamente elimina a necessidade de manobras para embarque de carga no pátio, garantindo maior eficiência. A estrutura possibilitou a redução do tempo de permanência dos vagões vazios no pátio de mais de 30 horas para menos de 6 horas e o escoamento de 655 mil t de grãos para o mercado externo.

Em 2013, foram concluídas obras para capacitação e aumento de produtividade do terminal, que propiciaram a ampliação da capacidade de movimentação de 600 t/hora para 1.200 t/hora, cerca de mais de um milhão de t.

Em março de 2014, na iniciativa mais recente, a VLI renovou a assinatura do termo de cooperação técnica e financeira com o governo do estado para incentivar a produção e exportação de grãos da região por meio do programa Pró-Noroeste.

Fonte: Tecnologística



. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

Página Desenvolvida pela Brasilnet®

 
Publicidade:





 
 

 

 

 

   
 
 
 

 
    

Publicidade: